Peixes

Características:

Tegumento ( pele) - coberto por escamas.Contudo, há peixes, como o bagre, que não possuem escamas.
São pecilotérmicos.
Locomoção: por meio de nadadeiras. Temos as nadadeiras impares: dorsal, anal e caudal e nadadeiras pares: peitorais e ventrais

Respiração

A respiração é sempre braquial. Existem alguns peixes como a piramboia, que apresentam a bexiga natatória funcionando como "pulmão". Com isto o peixe pode ficar muito tempo fora d'água.A bexiga natatória é o órgão que permite ao peixe ir ao fundo ou a superfície, conforme a quantidade de ar no seu interior.

Reprodução

São ovíparos de fecundação externa. Esta ocorre sem copulação. O casal fica lado a lado e vai lançando os gametas ( espermatozóides e óvulos) na água.Há alguns peixes de aquário que apresentam fecundação interna com formação de filhotes dentro do organismo materno. O mesmo acontece com o quaru muito comum nos lagos de água doce e em algumas espécies de raias e tubarões.

Circulação

O coração é formado por uma aurícula e um ventrículo.

Digestão

Aparelho digestivo completo, terminando em ânus nos peixes ósseos e em cloaca nos cartilaginosos. Não possuem glândulas salivares.
Nos peixes cartilaginosos o intestino possui uma válvula espiralada, cuja função é aumentar a superfície de absorção de alimentos.

Órgãos dos Sentidos

O sentido mais desenvolvido nos peixes é o olfato, podendo sentir cheiros a grandes distancias.
A visão é pouco desenvolvida. Os outros sentidos estão concentrados na linha lateral que percebe as vibrações na água.

Classificação dos Peixes

Teleósteos - São aqueles que possuem esqueleto ósseo. Corresponde a maioria dos peixes.
Elasmobrânquios - Aqueles cujo esqueleto é formado por cartilagem. São conhecidos por peixes cartilaginosos.Compreendem os tubarões e raias.

| voltar |